Entrevista com o Ilustrador de Capas, Alexandre Santos

Entrevistamos Alexandre Santos*, ilustrador, que nos contou um pouco do processo de criação de capas de livros

Profissão Editor: Qual a técnica de ilustração você usa?

 

Alexandre Santos: Trabalho pincipalmente com fotomanipulação digital, ou seja, eu fotografo a maioria das imagens, usando modelos e amigos posando para mim, depois busco as fotografias restantes em bancos de imagens para completar a composição. Quando tudo está reunido, eu uso o Photoshop para fazer a montagem preliminar. Vale a pena dizer que não uso as imagens do jeito que elas são, eu chego a usar pelo menos 12 fotografias diferentes para compor um cenário de fundo, para deixar exatamente como foi combinado com os editores. Depois de composta a imagem, eu passo para os tratamentos, as fusões, as texturizações e a iluminação da cena. E por último vem a colorização.

PE: Quais são as etapas de uma ilustração? Dê exemplo de cada etapa.

AS: O processo começa com a interpretação do briefing e alguns primeiros esboços. Esses eu faço para mim, de maneira muito simples a traço, para sentir como está a composição. Analiso se a imagem está contando a história do livro, e se os elementos conversam entre si e não há nenhum conflito na leitura da imagem, e calculo o espaço para o lettering. Depois disso, escolho pelo menos duas das ideias mais promissoras e faço esboços mais elaborados, já com os elementos definidos e com o projeto de iluminação e cor. Só então mando aos editores para a avaliação da ideia. Nos GIFs a seguir, pode ser verificada cada uma dessas etapas.

PE: Você faz ilustrações de capa. Nesse caso, seu trabalho consiste em montar a capa toda?

AS: Sim. Muitas vezes me pedem também para desenvolver o lettering da capa, pois como tenho o arquivo em layers, posso integrar melhor o texto à imagem. Muitas editoras também pedem uma imagem maior, que englobe a primeira e última capa, mais as orelhas e a lombada, o que faz com que o projeto final fique muito mais harmônico e interessante para o leitor. Mas às vezes o editor prefere que eu envie a imagem e eles montam o restante na editora.

PE: As ilustrações são feitas por você de forma livre ou a editora te passa algum direcionamento?

AS: Isso depende de vários fatores. Eu sempre recebo um resumo do livro para trabalhar a capa; isso é imprescindível. Alguns editores e autores muitas vezes já têm a ideia fechada da imagem que querem e me mandam a descrição do que precisam, então meu trabalho é criar uma imagem coesa e interessante que corresponda a essa ideia. Outras vezes recebo o resumo do livro e o editor pede que eu desenvolva do meu jeito. O importante é que nos dois casos, a imagem agrade a todos e seja capaz de despertar o interesse do leitor nas prateleiras das livrarias.

PE: Qual é a especificação de arquivo para a capa de um livro?

AS: Geralmente mando os arquivos finais na extensão .PSD, que tem uma taxa de compressão menor e mantém todos os tons e subtons da imagem de maneira muito eficaz. Sempre faço pelo menos 0,5 cm de sangria na imagem e a definição desta deve estar em 300DPIs.

*Ilustrador, escultor e diretor de arte, Alexandre desenvolve identidades visuais, animações, HQs e ilustrações para capas de livros e revistas. Também faz caricaturas e ilustrações para empresas, produtoras e agências de publicidade. É professor de comunicação visual na escola Panamericana de Arte de São Paulo desde 1991. Também trabalha como escultor e fotógrafo. Confira sua página no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>